terça-feira, 1 de outubro de 2013

Angelina Jolie

Angelina+Jolie+desenho+Silvia+Reis

Desenho a grafite sobre papel - Tamanho A3

Angelina Jolie nasceu no dia 4 de Junho de 1975 em Los Angeles, Estados Unidos.
Quando tinha onze anos Angelina decidiu que queria ser atriz e inscreveu-se no Lee Strasberg Theatre Institute, onde treinou por dois anos e apareceu em várias produções teatrais.
Aos 14 anos, ela desistiu de suas aulas de teatro e quis se tornar uma agente funerária. Durante este período, ela usava roupas pretas, tingiu o cabelo de roxo. Recentemente ela se referiu a este período com a observação: "Eu ainda sou, de coração, e sempre serei, apenas uma garota punk com tatuagens", e acrescentou: "Eu não preciso me desculpar ou me explicar sobre meu passado". Anos depois, ela voltou a estudar teatro e se formou na escola secundária.  Harper's Bazaar.
Sua estreia nas telas foi ainda criança ao lado de seu pai, o também ator, Jon Voight, no filme de 1982 Lookin 'to Get Out. A carreira de Angelina começou uma década mais tarde com o filme de baixo orçamento Cyborg 2 (1993). Seu primeiro papel principal em um filme foi em Hackers (1995).
O sucesso como atriz começou com o papel de Cornelia Wallace em 1997 para o filme George Wallace, onde trabalhou lá ao lado de Gary Sinise, que lhe valeu um Globo de Ouro e uma nomeação para o Emmy.
Mais tarde, estrelou o filme Gia, uma produção da HBO, onde ela interpretou uma supermodel dos anos 80 chamada "Gia Carangi". O filme descreve um mundo muito machista, e inclui a questão da dependência de drogas (a destruição do caráter através da dependência de substâncias, como o álcool) e do drama emocional. Por sua atuação neste filme, ela ganhou seu segundo Globo de Ouro e foi novamente nomeada para um Emmy Award e ganhou um Screen Actors Guild.
Depois de Gia, Angelina se mudou para Nova York e parou de atuar por um curto período de tempo, sensação de que "não havia mais nada para dar." Matriculou-se na Universidade de Nova Iorque para estudar cinema e assistir aulas de redação.
Em 1998, Angelina voltou a atuar no filme Cozinha do Inferno, e nesse mesmo ano estrelou o filme Playing by Heart. Mais uma vez o desempenho de Angelina recebeu críticas positivas e foi mencionada como um dos destaques do filme. Por isso, ganhou o Prêmio Revelação da National Board of Review.
Em junho de 2009, a revista Forbes colocou Angelina Jolie no 1º lugar da sua lista "100 Celebridades Mais poderosas do Mundo"
Em 2000, Angelina foi nomeada Embaixadora da Boa Vontade do Alto Comissariado das Nações Unidas (ONU) por seu trabalho junto aos refugiados de Serra Leoa, Tanzânia e Paquistão.